Rob Liefeld e o fã do Capitão América

A marca "registrada" de Liefeld

A marca "registrada" de Liefeld

Ontem li uma notícia que lavou a minha alma. Finalmente alguém disse umas verdades para o Rob Liefeld. E sabem do pior? Tem gente com pena do cara!

Vamos direto a fofoca. Nosso desenhista “favorito” estava na Wizard World Chicago dando autógrafos (não me perguntem como tem gente que perde tempo em fila para falar com ele). Tudo ia bem, até um nerd chegar até ele e dizer: “Meu nome Ryan Coons. Sou um grande fã do Capitão América e exigo desculpas por Heróis Renascem”. Liefeld ignorou o cara, riu e respondeu “Prazer em conhecê-lo”.

No seu blog, Ryan conta que saiu da fila e continuou no evento. Até que em um stand de vendas, viu uma cópia do livro How to Draw Comics the Marvel Way, de Stan Lee e John Buscema a U$5,00. Decidiu comprar o exemplar e quando contou ao vendedor o motivo, até ganhou um desconto.

Pelo nome do livro, vocês já podem imaginar o que ele fez.

liefeld_6_capeitao

Anatomia perfeita de Liefeld

Ryan escreveu a seguinte dedicatória: “Rob, eu sei que você não está a fim de se desculpar agora. Esse manual vai te ajudar em empreitadas futuras. Por favor, estude-o cuidadosamente, e o consulte antes de reestruturar outro título de quadrinhos. Se você quiser se desculpar por Heróis Renascem, você pode fazer isso me mandando um email para YellowHatGuy@gmail.com. Vamos fazer a coisa certa”.

O passo seguinte foi colocar o livro em uma sacola e deixar o presente em cima da mesa onde estava Liefeld. Para completar, gravou com um celular a reação do artista que, obviamente, não ficou muito feliz.

E tem gente que ainda defende

Opa! Que história é essa??!?

Opa! Que história é essa??!?

Tudo não passaria de uma brincadeira se o próprio Liefeld não tivesse respondido ao revoltado fã do Capitão América pelo Twitter. E foi aí que as opiniões se dividiram.

Muitos fãs apoiaram a atitude, mas tem gente condenando Ryan Coons pela piada. A começar pelos artistas que começaram a reagir afirmando que foi desrespeito. Alguns deles deixaram suas opiniões sobre Ryan no site Bleeding Cool. A maioria falando que o nerd era mal educado, feio, bobo e coisas assim. E muitos fãs criticaram foi a atitude dele pedir desculpas, alegando que isso faria com que os fãs parecessem ridículos.

Já Liefeld afirmou no Twitter que não ficou irritado com Coons e deu o presente para o desenhista Marat Mychaels, que havia perdido seu exemplar num incêndio. “Adorei ver que as fotos não condizem com seu relato. Eu estou sorrindo. Estou sempre sorrindo“.

No fundo, nada mais que uma piada levada a sério

2m de pernas...

2m de pernas...

Até entendo que os artistas ficaram ofendidos, afinal dá até medo ser criticado pelos próprios fãs. Imagina se a moda pega???

Mas me digam, onde fica o humor? Sinceramente, não era para ser levado a sério, era apenas uma piada! Afinal, não tem gente que ri quando o   ridículo do Borat fica sacaneando os outros? Quem acha graça do Sílvio e do Vesgo não pode reclamar do nosso amiguinho nerd americano…

E a propósito, qual o problema com críticas? Já pensou assistir a um jogo de futebol e não xingar os jogadores?? Ou não vaiar a Britney Spears fazendo playback? Qual a diferença dessas situações com a que viveu nosso “amigo” Liefeld?

Ok, a parte de pedir desculpas é um exagero, mas a entrega do livro foi apenas uma piada. O problema é que depois que os outros artistas falaram do incidente, fica “politicamente incorreto” ir contra o Liefeld.

Aliás, vejam as imagens que ilustram esse post. Não tem como defender e contra fatos não há argumentos. Ah! Tá com pena do Liefield? Então leva pra casa!!!!!

Essa nem precisa de comentários...

Essa nem precisa de comentários...

Que mão é essa...

Que mão é essa?!?!?!?!

Anúncios

15 Respostas para “Rob Liefeld e o fã do Capitão América

  1. Leva para casa se morar bem longe xD

    Liefield é o pior profissional que os quadrinhos já tiveram: incompetente, disciplicente, sem auto-critica, plagiador, repetitivo, desconhecedor de anatomia e mal empresário. Tem como ser pior que isso?

  2. rsrsrs
    Nem tubarão tem tantos dentes! rs Acho q ele não sabe contar…
    E eu tenho o tal livro! Eu estudei!!! rs

  3. jah repararam os mini narizes, a la Michael Jackson, todos os personagens teem?? kkkk

    • Nossa, é verdade!!!!
      Só tenho mais uma coisa a dizer, eu não faria o que o fanboy fez. Afinal, não gastaria U$3,00 com o Liefeld e muito menos enfrentaria fila para falar com ele!!!

  4. Putz, eu escrevi um texto enorme falando o quanto me deixa puta as atitudes de nerds idiotas como Ryan Coons, que acabam por dar uma imagem ridícula aos fãs de quadrinhos… mas o post não foi! Saco…

    Bem, resumindo, esse rapaz é do tipo que não separa ficção da realidade. Que Rob Liefeld é um péssimo desenhista, bem, acho que a maioria dos fãs de quadrinhos concordam com isso!!! Eu detesto o trabalho dele! Mas o cara tem fãs… por incrível que pareça tem que gente que gosta do trabalho dele, então é uma questão de gosto.

    Se vc não gosta, ok! Se quer falar isso pro desenhista, ok! Agora, respeito acima de tudo! Coisa que o Ryan não teve… e o pior, ainda reclamou que o Liefeld “cagou” literalmente pra ele… mas lógico, ele estava sendo infantil e babaca! Quer mais o que????

    • Sinceramente, acho que tudo não passou de uma piada! Realmente não acho que ele faltou com o respeito, apenas fez graça com o que a maioria das pessoas pensa. Falta de respeito pq deu o livro? Ele foi ridículo pedindo desculpas, mas na minha opinião isso tudo ficaria solenemente esquecido em um blog qualquer se os outros desenhistas não tivessem tanto medo disso acontecer com eles… E agora os fanboys americanos estão com medo dos artistas não participarem mais aos eventos, apenas isso. Na verdade, isso nunca vai acontecer pq eles DEPENDEM dos fãs para continuar trabalhando. Mas como já disse, não gastaria nem um centavo para sacanear ele, mas dei boas risadas!

    • Ter gente que gosta da “obra” do zé ruela do Liefield causa muito mais danos a imagem do fãs do que qualquer coisa. Imagine só se você fosse um dos gerentes da DC ou Marvel e visse que até o energúmeno do Liefield vende… Então vale qualquer lixo, não?
      Mais do que isso, o que eu acho pior nessa história é que o cara gosta de Capitão América, que horror…

  5. Sinceramente, eu sou mais o tipo ignorar mesmo, eu não gosto do Liefeld, eu não vejo o trabalho dele, simples assim, agora, MINHA opinião, pegar no pé do cara que decidiu agir diferente de mim é outra história.

    E não foi pessoal em momento nenhum. Ele não disse que Liefeld é um mau cara (dizem que ele é um cara simpático e agradável, duas coisas que te fazem uma boa pessoa, mas não influenciam em nada em sua capacidade de fazer quadrinhos) o cara disse que ele é um péssimo artistas (que ele é) e que precisa aprender a desenhar (o que ele precisa).

    E tem os artistas reclamam dos fãs serem críticos (que foram os caras que fizeram dessa piadinha boba uma grande disculsão sem sentido)… mas eles queriam o que?

    Que todo mundo achasse tudo lindo sempre? Tão facil quanto fazer tudo lindo sempre… É impossível passar pela vida sem ser criticado e zombado ou os dois ao mesmo tempo, como fez o cara ai com o Liefeld, simples assim.

    PS: E eu tb me pergunto se o pessoal que ta reclamando do cara que fez a piadinha, riu daquele artigo que saiu há alguns anos (eu acho) mostrando os piores do desenhos do Liefeld….

    O que agora; sacanear o cara na internet ta beleza, agora fazer uma piada ao vivo é erradissimo? õó

  6. Acho interessante como todos colocam a culpa em Liefeld. Está certo que ele é um péssimo artista do ponto de vista dos fãs (e eu sou um deles) e comparado a tantos outros artistas notoriamente melhores, mas acho estranho que as pessoas coloquem a culpa de todo o despreso que a Marvel e outras empresas do gênero têm pelos leitores em uma única pessoa. Não acho que se deva culpar uma pessoa pelas más decisões de uma empresa: se me oferecerem para ser desenhista da Marvel, me pagar bem, se eu precisar do emprego e gostar do que faço, pouco me importa se eu desenho como Liefeld, Jim Lee ou meu sebrinho de 4 anos!
    Quem tem que se responsabilizar pela qualidade do produto é a empresa que a fabrica e a comercializa. Por que, em vez de fazer essa manifestação com o Liefeld, o tal Coons não organizou uma evento, abaixo assinado ou qualquer outra coisa que diga à Marvel e outras “Comic Factories” qual o padrão de qualidade seus produtos devem ter? Afinal de conta, quem paga e dá lucro pelos produtos são os clientes e eles têm o direito de dizer o que querem e não querem, mas já agredir uma pessoa por que alguém deu emprego a ela… exagero!
    Será que esse tipo de manifestação vai ajudar a melhorar a qualidade dos quadrinhos?

    • Se fosse assim, então o cara não deveria assinar as revistas que “criou” (com muitas aspas aí, pois o Rob rouba muito as obras alheias). No momento em que ele colocou o nomezinho dele, isso significa que é o autor, portanto responsável por aquele “produto” (ou titica, para ser mais realista).
      No fim das contas, se você quer ser complascente com gente incompetente, ok, mas não peça a minha ajuda. Leve ele para casa e faça bom proveito. Ou não 🙂

  7. Você entendeu tudo errado. Pensei ter deixado claro que não sou fã de Liefeld (releia com atenção, por favor). Só acho contraproducente para os leitores fazerem esse tipo de manifestações porque: primeiro, mostra o quanto alguns de nós conseguem ser imaturos e nos faz perder credibilidade; segundo que esse tipo de manifestação não ajuda em nada em “impor” um padrão de qualidade nos produtos que a empresa produz e comercializa. É claro que ele tem que ser responsabilizado pelo que faz mas o que podemos esperar? Que ele se demita? Que desista de uma carreira de anos porque alguém o admitiu Deus-sabe-porque?
    Pessoalmente, acho que o crédito do “sucesso” de Liefeld vem do fato de ele desenhar para títulos com muitos fãs, que não deixam de comprar as revistas só por serem mal desenhadas. Talvez isso tenha confundido as editoras a ponto de acharem que ele tem muitos fãs. Talvez ele tenha costas quentes. Mas acho que nunca saberemos…
    Se ninguém comprar as revistas que ele desenha, por exemplo, qual empresa vai querer contratá-lo?
    Acho que se soubessemos nos organizar para defender uma causa, como bons consumidores que somos, tão bem quanto nos organizamos para jogar conversa fora (e olha que essa conversa tem durado bastante na internet), talvez não teriamos tipos como Liefeld, Kordey e muitos outros fazendo o que é notoriamente – como você escreveu – incopetência.

    • Meninos, não briguem.
      🙂
      A verdade é que o fato do Rob Liefeld até hoje desenhar e ter títulos no mercado é uma vergonha!!

      Infelizmente, os fãs engolem qq porcaria publicada pq é preciso saber a cronologia de 30 anos atrás para continuar entendendo as histórias atuais.

      Assim, mesmo o roteiro ou os desenhos sendo ruins, qdo alguém é fanático compra mesmo assim. Por essas e outras que larguei os títulos mensais….

      E se me pagassem para fazer algo que eu não sei fazer, eu não faria! Detesto passar vergonha!

  8. É por isso que eu gostava da MAD… rsrsrsr

  9. Eu parei de ler gibis de super heróis nos anos 90 quando Liefeld, Jim Lee, McFarlane (essa turma da Image) começaram ditar a regra do estilo “anatomia deformada”, desenhos exagerados e histórias fracas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s