Caçando fantasmas na TV (Parte II)

3. Psique Infantil: Crianças Paranormais

Apesar da tradução idiota (no original Psychic Kids: Children of the Paranormal), se você gosta do assunto esse reality exibido pela A&E merece uma conferida com mais calma.

A premissa do programa já é bastante assustadora. Quando descobrem que seus filhos possuem ou vivem alguma experiência paranormal, alguns pais ficam tão assustados que se isolam com esses problemas ou tentam ignorar o que acontece com as crianças. No programa, dois especialistas tentam ajudar pais e filhos a entender e conviver com essas capacidades paranormais.

O médium Chip Coffey e Lisa Miller, renomada psicóloga e professora da Universidade da Colômbia, buscam entender os fenômenos e assim tornar a convivência dessas crianças com seus dons mais tranqüila. Tem de tudo: criança que vê espíritos, que ouve demônios, que tem sonhos premonitórios, sensitivos e até com poder de cura.

A dinâmica do programa é simples. Primeiro são apresentadas três crianças e suas experiências paranormais. Depois, Chip e Lisa vão até a casa de cada um deles conversar com seus parentes. Na terceira parte do programa, todos vão para um hotel (normalmente reconhecido como assombrado) e passam alguns dias em uma espécie de workshop, onde além de conhecer seus limites tornam-se amigos e investigam o que acontece no local para entender como não temer o que sentem. O objetivo final é fazer com que as psychic kids sintam que não são as únicas no mundo a lidar com essas experiências.

Talvez o que torne a série mais assustadora seja ver crianças contando como é viver aquele tipo de situação em que sinceramente eu morreria de medo…

Psique Infantil: Crianças Paranormais
Canal: A&E
Quartas às 21h
Reprise: Sábados às 19:00 h

4.Celebrity Paranormal Project – Celebridades do Além

O Celebrity Paranormal Project (CPP) é um reality show da VH1 que estreou em 2006 e teve apenas uma temporada. No momento, não está em exibição do Brasil, mas como o canal repete bastante a programação acho interessante deixar aqui o registro da série.

O conceito é simples. Cinco celebridades (ou algo semelhante) são levadas a um lugar reconhecido como assombrado munidas de alguns equipamentos eletrônicos como termômetros infravermelhos, câmeras com visão térmica, gravadores digitais e medidos de campo eletromagnéticos. Logo que chegam, assistem a um vídeo com histórias assustadoras sobre os possíveis avistamentos e fantasmas do local. Os cinco devem ficar lá durante a noite e investigar as histórias buscando provas concretas da presença de atividade paranormal. Pronto, a receita é essa e o resultado é de dar medo mesmo.

Como não existe equipe de filmagem no local, apenas câmeras de segurança são instaladas, a sensação de isolamento é tremenda. E o pior, eles não podem investigar todos juntos. De acordo com as instruções dadas a partir de um notebook, os participantes devem sair em duplas para investigar as aparições enquanto os outros três ficam no único cômodo do local com eletricidade os guiando. Os coitados que vão a campo têm que realizar alguma tarefa para tentar captar provas.

Depois de realizar várias tarefas, o grupo se reúne para decidir quais dos espaços investigados deve ser o mais assombrado e quem entre eles é o que possui maior ligação com o paranormal. Decidido isso, todos voltam para esse local levando instruções do que deve ser feito e com algum objeto que pode ser usado para contactar os espíritos. O coitado escolhido como o médium da vez conduz a sessão oferecendo seu corpo como ligação entre os dois mundos. Quando eles terminam essa tarefa todos correm desesperadamente do local e o programa acaba.

Foram produzidos oito episódios filmados em locais “tranquilos” e abandonados como sanatórios, asilos e prisões de segurança máxima. Entre os que assisti, o que me deixou realmente apavorada foi a visita prisão de segurança máxima do estado do Tennessee. Entre as tarefas, eles tiveram que sentar na cadeira elétrica e rezar várias vezes o Pai Nosso, simular a ronda dos guardas pelas celas abandonadas batendo nas grades e realizar uma sessão espírita no corredor da morte. Nossa, foi realmente de arrepiar…

5. Rescue Mediums

Outro programa que não está mais no ar, mas que vale a citação porque é meio trash é o Rescue Mediums já exibido pela GNT. Apresentada por Jackie Dennison e Christine Hamlett, a produção britânica mostra o trabalho das duas médiuns que tem investigam locais assombrados para no final  eliminar as energias negativas do ambiente.  Já foram produzidos 37 episódios durante as três temporadas da série.

As duas médiuns são professoras no Feathers Centre na Inglaterra, onde ensinam como desenvolver e aprimorar suas capacidades psíquicas, leitura da aura e contato direto com espíritos. Jackie e Christine também ficaram famosas por auxiliar a polícia de Manchester no caso Moors Murders, onde o casal Myra Hindley e Ian Brady assassinou crianças entre 10 e 16 anos.

O programa começa com as duas tendo uma premonição sobre o próximo caso que vão investigar. Normalmente, uma delas desenha alguma coisa relacionada ao que vai acontecer. A produção afirma que não são passados detalhes do caso para elas e que a visita ao local em si acontece alguns dias depois. Quando chegam ao local, em alguma parte elas identificam o que foi desenhado e iniciam as investigações baseadas apenas nas suas habilidades e no relato das testemunhas. Durante a visita, elas usam psicometria (habilidade extra-sensorial em extrair o conteúdo de algum objeto ou evento impressos fora de nossa realidade física), se comunicam com os fantasmas, usam o dom da premonição, psicografia e desenhos mediúnicos.

Mas porque eu disse no início do texto que é meio trash??? Além das simulações bisonhas durante o programa, as duas tiazonas inglesas são umas figuras. Elas fazem piadas sem graça, se vestem igualzinhas e sempre terminam o programa tomando umas biritas em algum pub inglês. Figuraças!

Para saber mais

Site Oficial VH1 Celebrity Paranormal Project (inglês):

Site oficial A&E Psychic Kids

Site oficial do médium Chip Coffey

Site oficial Rescue Mediums

Leia também: Caçando Fantasmas na TV – Parte I

Anúncios

3 Respostas para “Caçando fantasmas na TV (Parte II)

  1. Eu sei que não devo assistir essas coisas(sou muito medrosa)
    Mas não resisto!
    Depois não consigo dormir direito.
    Valeu a dica.
    Bjs

  2. Amigo, vc não sabe o PESO das costas que vc me tirou…
    Eu estou procurando informação sobre o Celebrety paranormal, a séculos!!! Eu não sabia o nome, só lembrava da série e dos episódios, fodas demais…
    PERGUNTA: Você tem algum episódio dessa série!? não consigo encontrar e o site não dá pra ver… Não permite para o nosso país..
    Meu e-mail está cadastrado.
    Aguardo seu contato, amigo!
    Grandes abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s